Buíque, a capital do vale realiza á II conferência visando resgatar os valores culturais num município rico em suas potencialidades artísticas.


Buíque:  Até onde todos conhecem a capital do vale é um berço rico da cultura Pernambucana, de seus vales verdes e caatingas surgem pessoas que mostram os valores em suas culturas e suas artes. Artesões como José Bezerra,Célio Roberto,Luís  entre tantos outros carregam nas costas a responsabilidade de mostrar sua arte que enche os olhos dos amantes contemporâneo que buscar  através das formas um significado para cada peça.
Autores e escritores  e poetas  como  o cordelista  Dr. Paulo Tarcisio, Manuel Modesto,Rosa Barros, entre versos e prosas, escrevem, cantam e encantam através de seus pensamentos afluentes a historia de um povo que tem no sangue o dom de escrever o nome da história de um povo cujo significado de suas vidas é enaltecer a arte e cultura de sua terra.
Terra  que um dia acolheu Graciliano Ramos em seu sertão veredas,torrão onde criou o último cangaceiro vivo, Candeeiro  que nos deixou, cidade de homens justos e dignos como Professor Blésman Modesto e Roberval  Ramos, dois ícones que dão o próprio sangue para que nossa cultura não venha cair no esquecimento, por que um povo sem cultura é um povo sem história.
Com  todas essas referências e outra mais, o Governo Municipal através da secretaria de Cultura e Turismo  realizam nestes dias 25 e 26 a II Conferência Municipal de Cultura no Município o Objetivo do evento é discutir com a sociedade as políticas publicas  culturais buscando ações através de debates para  que o município venha ser inserido em programas que incentive as artes de forma globalizada em ambitos nacionais.

Ilustres presenças como as do próprio Professor Blésman Modesto atual secretario de cultura no município, também de Vânia Brayner  que  é representante da Unesco, do professor Tié secretario de cultura da cidade de Águas Belas, do Coordenador geral de Gabinete do município de Buique, Sr. Ronaldo Andrade na ocasião representando o prefeito Jonas Camelo, além dos vereadores Melque e Paulinho da saúde e ainda artistas poetas e escritores locais participaram da abertura oficial que aconteceu no inicio desta noite do dia (25) no salão paroquial na capital do vale encantado do Catimbau.  .   
Tecnologia do Blogger.