Centenas de índios pertencentes as quatro etnias do vale do Moxotó, ocuparam na manhã desta terça feira(30) o prédio da GERES em Arcoverde para reivindicar pagamentos atrasados de motoristas e merendeiras.

Arcoverde: Depois do último movimento que os índios Kapinawá realizaram em Buique na última quinta feira(18) fechando a PE 270 e  reivindicando soluções para recuperação das estradas no município, onde obtiveram com êxito seus pedidos atendidos pelo prefeito Jonas Camelo, em que só enceraram os protesto após a liberação das máquinas , agora pela manha estar sendo a vez dos Kapinawá se unirem as demais etnias do sertão do Moxotó  para ocuparem as instalações da VI Geres Arcoverde.
Neste momento de acordo com as informações recém chegadas a redação do Girosocialb, Além dos índios Kapinawá (Buique) também estão os Xucurus/(Pesqueira  )Kabinowá (Ibimirim) e os  Tuxá  de Inajá.
De acordo com as informações, as quatros etnias indígenas estão reivindicando  da GERE o pagamento  de três meses de mensalidades  dos motoristas  que estão atrasados, mais o pagamento de merendeiras que estão trabalhando sem receber entre outras reivindicações.
No entanto  no momento centenas de índios ainda esperam que com essa pressão seja recebidos pela direção da GERES e ainda  contam com um encontro com o Governador Eduardo Campos  como também o Secretario Estadual de Educação para negociações.

Fonte Txuská Tawá,  
Tecnologia do Blogger.