TRE pede afastamento imediato do prefeito de Petrolina

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE), José Fernandes de Lemos, decidiu, de forma monocrática, pelo afastamento imediato do prefeito cassado de Petrolina, Julio Lóssio (PMDB).
Lóssio ainda pode recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). No caso de ser afastado definitivamente da prefeitura o segundo colocado nas eleições para o município, o deputado federal Fernando Filho (PSB), assumirá o cargo de prefeito de Petrolina.
O blog apurou que Fernando Filho já acionou juristas em Brasília para assumir a prefeitura caso o recurso de Lóssio seja julgado e rejeitado no TSE.


Tecnologia do Blogger.