Armando, João Paulo e Eduardo da Fonte acertam atuação conjunta

O fortalecimento do palanque da presidente Dilma em Pernambuco foi o mote do encontro realizado entre as lideranças partidárias do PTB, PT e PP no Estado. Os senadores Armando Monteiro (PTB) e Humberto Costa (PT), os deputados federais Joao Paulo (PT) e Eduardo da Fonte (PP) e os deputados estaduais Teresa Leitão (presidente estadual do PT) e Silvio Costa Filho (PTB) encontraram-se na sede do diretório estadual do PT, no bairro de Santo Amaro, neste domingo (6), para reafirmar o alinhamento em Pernambuco em torno da reeleição da presidente Dilma.
 Na conversa, foi sublinhado que independente do número de palanques que os partidos da base de apoio a Dilma terão no Estado, a recondução da presidente ao cargo será tratada como prioridade. Com a pré-candidatura de Armando confirmada e a presença do PT na chapa com a indicação do nome de João Paulo para o senado, os partidos aguardam agora uma definição do PP de Eduardo da Fonte.
 "A presença do PP no palanque de Dilma é fundamental, independente do rumo que o partido tomar. Estamos namorando bastante com o PP, mas estamos em fase de construção, respeitando o tempo e o ritmo do partido", afirmou a deputada Teresa Leitão, que anunciou: "Dilma aqui em Pernambuco vai fazer bonito".
 
O senador Armando Monteiro reforçou que o importante é demarcar o campo de atuação dos partidos em Pernambuco, "Com uma ou duas candidaturas nós estaremos atuando na mesma direção. Numa estratégia comum, que pode se dar com uma candidatura ou com duas. Ou seja, a gente já sabe que em outro campo não estaremos. Nós estamos em um campo só".
 Armando também adiantou que, como pré-candidato ao governo, vai se empenhar muito para a construção de um palanque integrado em Pernambuco, com todas as forças reunidas já no primeiro turno. "Mas, ao mesmo tempo que eu revelo esta minha disposição de trabalhar nesta direção, expresso também o respeito que terei, qualquer que seja a circunstância, pela opção que o PP venha adotar".
 O deputado federal Eduardo da Fonte disse que o partido tem uma pré-candidatura posta, mas que está dialogando. "Para nós, em primeiro lugar, está a candidatura da presidente Dilma. Estamos conversando, construindo uma estratégia para a reeleição de Dilma, que é o objetivo de todos, e dialogando para tentar construir esta unidade".
Tecnologia do Blogger.