Policias Civis de Arcoverde no sertão do estado, prendem e tiram de circulação trio que praticava o famoso golpe do sapato nos estados de Alagoas, Pernambuco e Sergipe.

Numa prova do que o crime não compensa, e nada se passa despercebido   aos olhos da justiça, policias civis da delegacia de polícia   civil da cidade de Arcoverde, no sertão do estado após vários meses de investigações prenderam e flagrante delito e retiraram das ruas um trio de estelionatários formados por Eduardo Rodrigues Lopes, 42 anos de idade, Edvaldo Martins de Souza, 41 anos de idade, e Mauricio Pereira Lopes, 67 anos de idade.
De acordo com o delegado Titular da 156ª Circunscrição em Arcoverde, José Rivelino Ferreira de Moraes,  o trio  acusado de aplicarem o famoso golpe do sapato nas cidades de Garanhuns, Afogados da Ingazeira, Serra Talhada, além de outros municípios circunvizinhos e também no vizinhos estados de Alagoas e Sergipe vinham sendo monitorados pelos policias civis de Arcoverde  onde  foram presos em flagrante  na tarde desta quarta-feira(09).
Nas investigações os policias apuraram que o inusitado golpe praticado pelos três acusados consistiam da seguinte maneira. Sempre nas imediações das agências bancárias, o trio aproveitava das oportunidades usando a ingenuidade de suas vítimas que acreditavam que Mauricio Pereira Lopes dariam um recompensa as pessoas que encontravam uma bolsa contendo documentos e dinheiro perdidos propositadamente pelos indivíduos.
Seguindo a linha de raciocínio dos policias civis, no momento em que a vítima encontrava o objeto, nesse caso a bolsa, o comparsa  Edvaldo Martins  de Souza se aproxima e fingi também ter encontrado a bolsa juntamente com a vítima, momento em que Edvaldo Martins entrega sua bolsa com suposto valor para que a vítima a segure enquanto ele vai pegar a premiação ou seja um  par de sapatos como recompensa, na volta o estelionatário solicita que a vítima deixe sua bolsa com ele alegando uma confiança reciproca e ganhando a confiança da própria vítima, enquanto a vítima segue para pegar seu par de sapatos oferecido pelos bandidos descobre que não existe recompensa nem uma e ao retornar aonde deixou sua bolsa com o meliante percebe que foi completamente enganada perdendo seus pertences e o dinheiro que acabou de sacar do banco momento antes de cair no golpe.
Eduardo Rodrigues Lopes, ainda de acordo com policias civis é o proprietário e motorista do veículo   usado para fuga dos criminosos depois do trio ter aplicado os golpes em algumas cidades dos estados de PE.AL.SE
Com o trio a polícia prendeu a quantia de 6.124,45(Seis Mil Cento e Vinte Quatro Reais E Quarenta e Cinco Centavos), cheques, promissórias e documentos pessoas das vítimas no golpe do sapato, além de o Um Veículo Fox cor prata de placas PFD 5715 do estado de PE.
Presos em flagrante e atuados pelos Crimes de Estelionato a Associação Criminosas os três foram encaminhados para o presidio Brito Alves em Arcoverde onde irão permanecer aguardando um parecer da justiça,

Fonte e Fotos: Delegacia de Polícia Civil de Arcoverde 



Tecnologia do Blogger.