Juntos e misturados e assim caminha a humanidade na política em Buíque.

Em Buíque, no agreste quando o assunto é política tudo tem o máximo de cuidado principalmente com o que se ouvi e se fala, isso por que em cada momento decisões são tomadas nas esquinas politiqueiras sem mesmo que os evolvidos na conversa saibam.
Recentemente boatos de rodas de amigos deram de contas que o grupo político do atual prefeito Jonas Camelo estava prestes a sofrer uma rachadura principalmente depois da confirmação de apoio ao nome André de Paula  como o  federal do chefe do executivo e consecutivamente uma boa  parte dos seus aliados políticos o que fez alguns menos avisados soltar boatos que o próprio Jonas apoiaria outro nome a estadual , nome que não estivesse ligado a sua vice prefeita Miriam Briano e assim prefeito e vice trilhavam caminhos com diferentes apoios.
Como a política é um negócio que gira em tornos de acordos e necessariamente cada um tem o seu, no início da tarde desta sexta-feira (23) o prefeito fez questão de dar um basta nas conversas de bastidores e reafirmou seu a apoio mais uma vez ao deputado Arcoverdense Júlio Cavalcanti   que em 2010 foi o deputado estadual majoritário nas urnas no município de Buíque.
Como tem uma relação pra lá de amigável com sua vice prefeita Miriam, e haja visto que ela tem um grande respaldo na história da  política Buiquense, em comum acordo ambos respeitaram as decisões um do outro, enquanto Jonas fica para federal  com André de Paula, Miriam fica com Zeca Cavalcanti e sendo assim, já na chapa de estadual ambos optaram seguir na mesma estrada com Júlio Cavalcanti que por sinal tem relevantes serviços prestados a população Buiquenses, um exemplo mais especifico foi a conquista da Escola Técnica de Pernambuco que já se encontra em fase conclusiva de suas obras.  


Tecnologia do Blogger.