Prefeito de Buíque faz uma prestação de contas de seu governo e fala sobre as festas dos 160 anos emancipação política do próximo dia 12, e diz que não haverá festa de rua.

Acompanhado pelo seu coordenador de gabinete, Ronaldo Andrade, pelos vereadores, Melque do Catimbau, Rômulo Camelo, Felinho da Serrinha, e Paulinho da Saúde, além de vários correligionários políticos e amigos, o prefeito do município de Buíque Jonas Camelo Neto chegou meia hora antes do início de sua entrevista à Rádio Buíque FM.
Durante praticamente falando ao radialista e entrevistador Rodrigo Andrade, Jonas fez questão de fazer uma prestação de contas dos 48.750,60(Quarenta e oito milhões, setecentos e cinquenta mil e sessenta reais) que foram distribuídos em algumas da importantes obras no município.
Num discurso meio que improvisado, o chefe do poder executivo foi bem claro quando disse que “Antes de alguém venha prestar contas dos recursos investidos no município, ele mesmo faz questão de fazer até por que todos os valores chegados e os que ainda estão por vim tem sua participação ativa seja no governo federal ou até mesmo estadual”.
Além dos investimentos nas obras do matadouro público municipal, do calçamento de 11 ruas na sede do município, da revitalização das três principais praças da cidade, de três quadras poliesportivas cobertas, duas na cidade e outa na vila do catimbau ,da construção do PSF do Riachão, do saneamento básico, outros recursos já estão garantidos, inclusive com projetos aprovados para revitalização da feira livre, que antes do final do ano passará a funcionar como um centro de abastecimento e ganhará 14 galpões pré  moldados ,novos banheiros, além de quiosques para vendas de refeições e sala de administração, sem contar com o início das obras do asfalto da estrada que vai  até a vila do catimbau, entre outras que estão sendo projetadas.
Durante toda entrevista do prefeito, uma das respostas que a população inteira que estava de ouvidos colados no rádio queria ouvir, principalmente a juventude que seria a festa alusiva de emancipação política pelos 160 anos que Buíque completa na próxima segunda feira 12 de maio.
Quando indagado pelo entrevistador se haveria ou não festa de rua, principalmente algumas atrações que vinha inclusive a dias divulgando em suas agendas seus shows para Buíque, Jonas  foi bem incisivo. “Desconheço essas afirmações, nem eu nem outra pessoa qual quer do meu governo fechou nem um contrato com nem uma dessas atrações, tomei ciência desse fato recentemente e acho até mesmo uma falha alguém divulgar o que na verdade não existe, não faz dois meses que o município realizou o carnaval, precisamos desde já reservar recursos para pagar o 13º salário dos servidores municipais, e como a população sabe a pouco mais de um mês iremos realizar outro grande evento que é o São Pedro em Buíque, e como será uma festa direcionada a população neste ano deixaremos que a própria população escolha as atrações, iremos colocar urnas com 20 sugestões de nomes de artistas nacionais e regionais dentro do que a própria prefeitura possa pagar  e as mais votadas pelo público serão as contratadas, até mesmo por que a festa e para o povo, e nesse caso o povo é quem vai escolher, isso se chama democracia de um governo que não pensa só em si, mas na população que estar atenta a cada detalhe na cidade.”
Sobre o dia 12, iremos fazer o que sempre fizemos, iremos comemorar o dia das mães sorteando vários eletrodomésticos e brindes, iremos hastear as bandeiras e ainda iremos anunciar outros investimentos, não adianta fazer o que não podemos afinal as prioridades no município são muitas e temos que agir com responsabilidade. Finalizou Jonas Camelo.    
Tecnologia do Blogger.