Bandidos invadem a Academia de cidade em Buíque e são presos por subtraírem, 12 bolas de plásticos, e uma carroça de mão com uma pá e outros itens de menor valor.

O mês de junho no Nordeste do Brasil é marcado pela grandiosidade de seus festejos juninos, período também que gradativamente aumenta o número de ocorrências oriundas de roubos, assaltos e principalmente arrombamentos, seja nas residências, comércios e outros  que nessa época são visados por bandidos estão  sem condições  financeiras de festejar o São João  e São Pedro , portanto, principalmente nessa época,  todo cuidado é pouco  por que os mãos leves estão a solta e tudo que estiver fácil a seu alcance estão levando sem que o verdadeiro dono perceba.
EM Buíque no agreste do estado, em plena luz do dia, por volta das 17:30, deste sábado (14) três elementos aproveitaram a ausência do vigia que não tinha no momento, para arrombar a principal fechadura da academia das cidades e subtraírem 12 bolas de plásticos cujos valores não chegam a 60 reais, mais uma carroça de mão, uma pá, e outros objetos de valores insignificantes que somando tudo não chegaria a duzentos reais.

De cara limpa, e se como nada tivesse acontecido, os três indivíduos, entre eles um de menor  de posse dos objetos furtados saíram desfilando em via pública,  foi quando alguém acionou  o chefe da guarda Municipal  Walfran Padilha  que junto com a polícia militar saíram em buscas e perseguição dos três elementos que foram localizados no corredor entre o bairro Frei Damião e a Vila São José, recuperado os objetos, dois elementos de maior foram encaminhados para delegacia civil de Arcoverde para medidas cabíveis e em seguida ao Brito Alves, já o menor de idade recém chegado de São Paulo por estar acobertado pelo estatuto da Criança e do Adolescente foi liberado.  
Tecnologia do Blogger.