Paulo Rubem é o vice de Armando Monteiro

 A coligação "Pernambuco Vai Mais Longe" confirmou nesta quarta-feira (25) o nome do deputado federal Paulo Rubem Santiago (PDT) como pré-candidato ao cargo de vice-governador na chapa encabeçada pelo senador Armando Monteiro (PTB), pré-candidato ao governo do Estado, que ainda tem como pré-candidato ao Senado o deputado federal João Paulo (PT). Paulo Rubem reforçou o discurso de Armando de que Pernambuco precisa retomar o rumo do desenvolvimento. Os nomes de Armando, Paulo Rubem e João Paulo serão homologados neste domingo (29), na convenção estadual da aliança, em Caruaru, no Agreste.
 
O anúncio foi feito no escritório de pré-campanha de Armando, Paulo Rubem e João Paulo, nos Aflitos, Zona Norte do Recife, diante de uma plateia formada por deputados federais e estaduais, prefeitos, vereadores e presidentes dos partidos que formam a coligação Pernambuco Vai Mais Longe (PTB, PDT, PT, PSC, PRB e PT do B), além de lideranças políticas de todo o Estado.
 
"Não basta só crescer. O que Pernambuco precisa é de desenvolvimento. Conosco será diferente. Viemos para somar, olhar para o futuro. Queremos o desenvolvimento do emprego, da renda e das políticas sociais", afirmou o pré-candidato a vice-governador. "Precisamos fortalecer a agricultura familiar, preparar as cidades médias para receber os investimentos", salientou.
 
Assim como outros oradores, Paulo Rubem destacou a identidade política e ideológica da aliança. "Nós defendemos a coerência. Temos unidade nacional e estadual. Buscamos a identidade que temos em termos de origem e ideologia", falou o pedetista.
 
Os companheiros de chapa de Paulo Rubem reforçaram o tom de sua fala. "Nós temos uma unidade, fincada no trabalhismo. Todos estes partidos se identificam com a luta dos trabalhadores. O significado político não é ter uma aliança tão ampla, mas consistente na identidade política, que, na nossa coligação, é fortalecida agora com a chegada do PDT", enfatizou Armando Monteiro. "Mais do que nunca, vamos às ruas. Vamos percorrer Pernambuco para defender o nosso programa", completou o pré-candidato ao governo.
 
"Estive junto de Paulo Rubem desde o início das nossas trajetórias políticas, no movimento sindical, na Central Única dos Trabalhadores (CUT) e no PT. Com Paulo Rubem, não tem tempo ruim: ele distribui panfletos, vai de manhã cedo para a porta das fábricas. A chegada dele e do PDT traz robustez à chapa. Se já vínhamos bem, agora estamos mais fortalecidos", disparou João Paulo.
 
ÉTICA - Os outros discursos da tarde lembraram a consistência ética de Paulo Rubem e sua luta pela melhoria da educação. "Recebi várias manifestações de professores, felizes pela chegada de Paulo Rubem. Todos os representantes das forças políticas do PT estão aqui para lhe dar apoio incondicional. Este é o palanque da presidente Dilma Rousseff e do ex-presidente Lula", afirmou a deputada estadual Teresa Leitão, presidente do PT no Estado.
 
"Esta composição é a do equilíbrio de forças e ideias. Ela representa o povo de Pernambuco", destacou o presidente do PRB em Pernambuco, Carlos Geraldo. "Existe uma irmandade política nesta coligação, fruto de uma decisão democrática", acrescentou o deputado federal Silvio Costa, presidente estadual do PSC.
 
Veja o perfil de Paulo Rubem Santiago
 
Um dos mais influentes parlamentares da Câmara Federal, Paulo Rubem Santiago carrega em sua atuação política a marca da defesa da educação pública de qualidade e do combate à corrupção. Nascido no Rio de Janeiro em 17 de julho de 1955, o deputado federal do PDT é o candidato a vice-governador na coligação “Pernambuco Vai Mais Longe”.

Professor de educação física, formado pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Paulo Rubem iniciou sua militância política no movimento sindical. Foi diretor da Associação dos Professores do Ensino Oficial de Pernambuco, hoje Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (Sintepe), e também da Associação dos Docentes da UFPE, universidade à qual é vinculado.
Em 1979, Paulo Rubem ajudou a criar o Partido dos Trabalhadores, do qual integrou a Executiva Nacional até 1986. Quatro anos depois, foi candidato a governador do Estado. Em 1992, elegeu-se vereador do Recife – ele já havia assumido a vaga, na condição de suplente, em 1990.

Sua carreira como parlamentar galgou um voo mais amplo ao ser eleito deputado estadual, em 1994, sendo reeleito quatro anos depois. Sua chegada ao Congresso Nacional se deu em 2003, quando iniciou o primeiro dos três mandatos como deputado federal. Integra o PDT desde 2007.

Na Câmara Federal, Paulo Rubem integra as Comissões de Educação, de Saúde e Seguridade Social e de Cultura e é o secretário-geral da Frente Parlamentar de Combate à Corrupção. Como integrante da Comissão Especial do Novo Plano de Educação, se destacou como coautor da lei, sendo responsável pelo artigo que vincula o financiamento do setor a 10% do Produto Interno Bruto (PIB).
 
Tecnologia do Blogger.