Pai alcoolizado agride criança de apenas três anos com tijoladas na cabeça no Sitio Mocó III zona rural de Buíque no agreste do estado.

Por pouco uma tragédia não aconteceu no finalzinho da tarde de sábado (20), no  Sitio Mocó III zona Rural de Buíque, alcoolizado e com sintomas da dopagem uma vez que usa remédios controlado, José Valmir de Azevedo Silva ,(Gavião) agricultor 34 anos de idade e ex presidiário deferiu golpes de tijolos no filho   menor V.A.S  de apenas três anos de idade.
De acordo com a policia, Valmir ainda não se sabe quais os motivos começou a agredir seu filho dentro de sua própria residência, ao tomar conhecimento do fato, sua companheira (Fia) não podendo conter o marido  solicitou a ajuda de dois primos do acusado, Marcos e Benedito  Silvestre , que ao chegarem na residência do mesmo se depararam com a criança ensanguentada no chão , como o acusado apresentava indícios de descontrole os dois primos o dominaram em seguida lhe   mobilizaram enquanto aguardava  a presenças da Policia Militar que  chegou e prendeu  em flagrante .
Conduzido a delegacia de policia civil do Município, foi constatado que Gavião  já tinha sido atuado também em flagrante  por ter quebrado a cavícola de sua companheira  sendo enquadrado na  Lei Maria de Penha  onde   cumpriu prisão no presídio Brito Alves  no ano de 2012
Ainda na delegacia de policia civil, Gavião prestou depoimento   onde as medidas foram tomadas, em seguida  o acusado foi encaminhado novamente para o Presídio Brito Alves  por tentativa de homicídio uma vez que a criança foi   socorrida e levada para o HRA.
Foto Ilustrativa internet.
Tecnologia do Blogger.