Reviravolta: Própria Autoridade Policial Conclui Não Houve Tentativa no Caso do Filho Acusado de Tentar Estrupa a Mãe em Buíque, Não o Indiciando .

Que no dia de hoje  em busca de informações a cerca do caso que teve repercussão da suposta tentativa de estrupo envolvendo  Renato da Silva Monteiro, tendo como suposta vitima, Maria do Socorro   sua  própria mãe, a redação do  Portal Girosocialb  ao se deslocar a delegacia de policia civil da cidade de Buíque/PE  em  entrevista com o delegado que preside o inquérito Drº Guido nos informou, que nos  autos da prisão e quando do inquérito policial nas investigações não foram encontrados elementos para indiciar o acusado no fato antijurídico na forma de crime tentado de estrupo, pois quando das analises verifica-se contradições, bem como falta de provas que relatasse a pratica acima mencionada, desta forma tendo objetivo do inquérito policial o procedimento de investigação e a verdade dos fatos para ser relatado e encaminhado a autoridade judicial e ao Ministério Publico, concluiu a própria autoridade policial pelo o não indiciamento do acaudado na forma descrita na nota de culpa e sim apenas no tipo penal previsto no artigo 147 do Código Penal  Brasileiro, ou seja  crime de ameaça, fato este que a Lei diz que deverá  o acusado a responder  Por um  T.C.O, “Ou Seja em Liberdade”  esperando assim a liberdade do acusado pelo fatos nos autos que o levou a reclusão no Presidio Brito Alves em Arcoverde, concluindo o Dr Guido com o relatório do inquérito policial enviado por ele, analisa os autos e assim aguarda-se a Liberdade  do filho acusado de estrupa a mãe.

Ainda de acordo com o delegado, conclui-se  que não houve os fatos e que enviará no inicio da próxima terça feiraI(11) o processo as autoridades competentes e assim esperamos que a justiça seja feita.  
Tecnologia do Blogger.