Projeto de Lei com aumento retroativo a janeiro deixa profissionais da educação com salários variável entre 1.918,00 á 3.583,00 no município de Buíque

Por profissional do Magistério Público da Educação Básica, entende-se aquele que desempenha atividades de docência ou de suporte pedagógico á docência, isto é, direção ou administração  ,planejamento ,inspeção, supervisão, orientação e coordenação educacionais, exercidas no âmbito  das unidades escolares da  Educação Básica, em suas etapas e modalidades ,com  a formação  mínima  determinada pela legislação federal de diretrizes e base da educação nacional: Foi com estas justificativas que  o chefe do poder executivo do município de Buíque autorizou na manhã da ultima quinta feira(12) a atualização no  valor do a Piso Salarial Municipal para os profissionais do Magistério Publico da Educação do Município de Buíque  em 1.918,00 ( Um mil novecentos e dezoito reais)  mensais para jornada máxima de 40 horas semanais na forma da Lei Federal  Nº 11.738 de 16 de julho de 2008 com efeito retroativo a primeiro de janeiro de 2015.

De acordo com o decreto publicado na manha desta sexta feira (13) com seus efeitos retroativos  a 02 de janeiro ultimo passado, dependendo da faixa  do professor compostos pelas categorias, A.B.C.D.E e F  o salario do professor no município fica variável podendo atingir o patamar de 3.583,98 o que torna assim o município que tem um dos salários mais bem pagos e seus profissionais mais valorizados no âmbito estadual. 
Tecnologia do Blogger.