Cerca de 12 representantes do município de Buíque aproveitam o Seminário Destino-PE para cobrar apoio e ações na cultura e no turismo no âmbito do município que tem um dos maiores atrativos do estado que é o “Vale do Catimbau”

Se depender das novas ações do governador do estado Paulo câmara, nos próximos três anos e meio de sua gestão  o Turismo e a Cultura  nos municípios deverão  andar de mãos dadas numa proporcionalidade superior  aos governos passados.
Para que isso venha acontecer com a mesma intensidade do potencial turístico e cultural do estado a Secretaria de Turismo e Lazer de Pernambuco (Seturel-PE) e Empresa de Turismo de Pernambuco (Empetur), estão percorrendo todo o estado do sertão ao Litoral, para conhecer as demandas do setor  e seus atrativos turísticos  com uma equipe de profissionais de primeira linha para analisarem as dificuldades enfrentadas por cada Município cujo seu gestor seja uma pessoa de visão empreendedora para formar  parcerias com o estado através instituições  Empetur e Seturel-PE.
Como o seminário é voltado para Secretários e Diretores  municipais de turismo e cultura, e ainda associações ligadas ao turismo, ao artesanato e á cultura popular além de empresas do setor tais como: Setor hoteleiro, agências de viagens, bares, restaurantes, locadoras de carros, organizadores de eventos e guias turísticos a primeira etapa aconteceu no sertão entre os dias 21 e 19 de maio, e reuniu  um pouco mais de 400 representantes das cidades de Ouricuri, Floresta, Petrolina e demais cidades ao entorno.
Dando continuidade ao Seminário Destino PE, na manhã desta quarta feira (03)  a cidade escolhida para receber  mais de 70 representantes da região agreste foi Garanhuns além dos representantes municipais do setor recebeu também, o secretario estadual de turismo, esportes e lazer do estado, Felipe Carreras  acompanhado do presidente da Empetur  Luís Eduardo Antunes que ladeados de outras autoridades oficialmente fizeram a abertura do evento.
Como a intensão do seminário foi ouvir  dos representantes suas  reclamações e demandas , cerca de seis coordenadores ouviram e anotaram  as deficiências apontadas pelos representantes nas temáticas abordadas que foram, Estrutura Básica e Apoio, Organização da Cadeia produtiva do Turismo, Gestão Publica, Esporte e Lazer, Recursos a Atrativos ,além de Sensibilização e Capacitação de Recursos Humanos.

Se o assunto em pauta era apontar as falhas dos municípios envolvidos, Buíque no agreste do estado  sendo detentor de um dos maiores polos turísticos do  que é o Vale do Catimbau  foi o único município a enviar cerca de 12 representantes entre diretores e guias turísticos, todos com o mesmo objetivo apontar as deficiências de apoio a  cultura ,e o  turismo e cobrar soluções  como a retomada do asfalto da principal via que dar acesso ao Catimbau que estar parada por falta de compromisso  do Governo que começou e não terminou a obra como prometido foi no ato da assinatura da ordem de serviço ainda no Governo do saudoso Eduardo Campos.        
Tecnologia do Blogger.