Madalena em Arcoverde, Guga Lins em Sertânia e Buíque, quem será o nome que vai decolar para as próximas eleições municipais em 2016

Enquanto  no município de   Buíque no agreste do estado  a população assisti de camarote  uma corrida supostamente fictícia de nomes que  estão  querendo se lançar para  concorrer a cadeira mais visada do poder executivo municipal  e substituir o atual prefeito Jonas Camelo em 2017 , em Arcoverde e Sertânia, ambas no sertão do estado, ao contrario  do ninho das cobras( Significado da palavra  Buíque em Tupi) praticamente já se sabe quem vai contra quem.
Em Arcoverde  por exemplo, apesar de ter um colégio eleitoral inferior a Buíque, seus políticos ainda são muito cautelosos quando o assunto e formação de grupos, isso por  cada grupo tem suas bases e seus objetivos onde ao invés da individualidade  juntos seguem na coletividade o que politicamente se torna um pouco mais difícil do surgimento de vários nomes dentro do mesmo grupo.
Se de um lado Madalena Brito já é oficialmente candidata a sua reeleição, do outro lado segundo informações o ex  vereador e deputado estadual   Eduíno Brito(PHS) baseado na expressiva quantidade de votos recebidos dentro de Arcoverde nas últimas eleições passadas  é candidatíssimo a prefeito  no próximo pleito eleitoral e segundo  os politiqueiros de plantão mesmo que seja remota existe as possibilidades de contar em seu palanque com o grupo do ex prefeito Zeca Cavalcanti (PTB) mesmo que aliança com o trabalhista e seu irmão Júlio não saia, Eduíno trilha seu caminho disputando em faixa própria.
Enquanto isso, e sem muitas novidades em Sertânia Guga Lins(PTB) pelo visto já tem seu adversário quase certo que se trata do ex prefeito e atual estadual Ângelo Ferreira.
Como Guga Lins é ligado ao Ministro do Desenvolvimento e candidato a governador em 2018, se comenta nos bastidores  do Palácio das Princesas  que Ângelo é o único que tem chances de disputar de igual para igual a principal cadeira do poder executivo de Sertânia.  


Tecnologia do Blogger.