Outra Vez: Vice prefeito de Custodia condenado a devolver 108.6075,78 centavos aos cofres públicos

     O Juiz Abelardo Tadeu da Silva Santos, da 5ª Vara Civil da Capital, condenou Emmanuel Fernandes de Freitas Góis ME, (empresa individual) que leva o mesmo nome do vice-prefeito de Custódia, sertão de Pernambuco, mais conhecido como Manuca (PSDB), ao pagamento de R$ 108.605,78 (cento e oito mil, seiscentos e cinco reais e setenta e oito centavos), mais os acréscimos, referente a recursos de patrocínios liberados pela Chesf, sem a devida comprovação de sua aplicação.
O Processo de nº 0007905-59.2010.8.17.0001 encontra-se nesse momento aguardando Despacho de Petição do Demandado, que alega não ter sido citado, todavia, o Juiz deixa claro em sua Sentença, que embora tenha sido citado, o réu não ofereceu contestação.
No mês de Janeiro deste ano, depois de ser denunciado, recentemente, pelo ministério Público Federal, por envolvimento em uma possível fraude de licitação, através da sua empresa (Manuca Produções), no município de Ibimirim, onde supostamente foram desviados recursos da ordem de R$ 154.000,00 (Cento e cinquenta mil reais), o Vice-prefeito de Custódia,  foi réu novamente e foi intimado a depor em outro processo sob nº 0000446-35.2014.4.05.8310 que tramita no Tribunal Regional Federal, 5ª Região, localizado em Serra Talhada, pelos mesmos motivos, desta vez o fato aconteceu no município de Tuparetama (PE). 
Fonte Caué Rodrigues,
Tecnologia do Blogger.