Pré-candidato a prefeito de Buíque depois de dividir o grupo da situação tira seu nome da disputa, e deixa uma pergunta no ar, que é,e agora?

Apesar de ser primeiro de Abril  Dia internacional da  mentira, oficialmente   nesta tarde foi acesso o caldeirão politico da cidade de Buíque  no agreste do estado com a desistência da pre candidatura  de Marcos Werner Tavares , (marquinhos ).
Amigo fiel do prefeito Jonas Camelo, em tão pouco tempo  após lançar  seu nome  para disputa  do  cargo  de chefe do poder executivo o jovem dividiu o grupo  e virou o centro das atenções  nas principais rodas de conversas  que se formavam  pelos quatros cantos do município por onde ele andou.

Como na politica  nem tudo que parece é, e cada um segue livremente seu destino e suas convicções,  com a retirada de seu nome agora mais do que nunca  a situação vai ter que  se organizar  por que se com Marquinhos  existia um grupo fiel , incluindo   alguns secretários , entre eles  de Ação Social, de Educação, de Saúde além dos vereadores Paulinho da Saúde, André de Toinho, Melque do Catimbau e Ernani Peixoto Neto , ainda Dão Tavares e Sossó, Marquinhos  não desistiu dos  seus sonhos  apenas adiou, isso   por que  depois de varias  reuniões que vem acontecendo  uma   atrás da outra, nos bastidores há quem diga que  a qualquer momento  aqueles mais fanáticos por politicas e grupos  poderão se surpreender  com  outro pronunciamento bombástico que deverá  mudar toda essa historia da politica em Buíque:
Tecnologia do Blogger.