Acusados de cobrar propinas para aprovar projeto , dez dos 28 vereadores de Caruru são condenados a reclusão e perca de seus mandatos.

Em  Caruaru no agreste do estado, a justiça  condenou os dez vereadores  acusados de cobrar cerca de dois milhões de reais  de propina para aprovar o projeto   de um empréstimo  que a prefeitura precisava junto ao Banco do Brasil  para implantar o   Buss  Rapid Transit (BRT)  na capital do agreste.

De acordo com o inquérito do Ministério Publico , os parlamentares Caruaruense  exigiram  o dinheiro  durante  conversa  com o secretario  de Relações Institucionais Marcos Casé.
Ainda de acordo com as informações, as  provas que incriminaram os dez vereadores   veio através de  gravações  e  filmagens e interceptações  telefônicas  com autorização da justiça.

Vereadores condenados  :Louro do Juá, Evando  Silva ,Neto, Val Lima, Cecílio Pedro  e  Eduardo Cantarelli, ambos do PMDB  e Jailson de Souza ,(Jájá) Pastor  Jadiel ,Val das Rendeiras   do PSDC  e  Sivaldo Oliveira do PP.


De acordo com a decisão, os parlamentares  além de perderem seus mandatos serão condenados  nos crimes de Associação Criminosa e Concussão   por terem sidos flagrados  mais de uma vez  cometendo os mesmo delitos 
Tecnologia do Blogger.