Em Buíque, Farmácia Básica atende mais de 14 mil receitas por mês.

A Prefeitura de Buíque, através da Secretaria de Saúde, trabalha em prol dos buiquenses desde o primeiro dia de gestão.  Um dos setores mais importantes e que precisa ser reestruturado é a Saúde do município. Mesmo diante das dificuldades, a Secretaria de Saúde, se empenha ao máximo para que as medicações receitadas sejam entregues a quem mais precisa.

A Farmácia Básica da Prefeitura de Buíque atende mais de 14 mil receitas por mês. O acesso à medicação gratuita reflete diretamente no bolso do cidadão. Os medicamentos distribuídos pela Farmácia Básica atende os pacientes assistidos pelas dez Unidades de Saúde da Família da zona urbana e rural e também as Unidades indígenas. A salientar que o recurso financeiro para a Farmácia Básica repassado pelo Governo Federal é insuficiente para a demanda de medicamentos gastos no município. Sendo necessária a complementação com recursos próprios. Ainda, a Secretaria de Saúde faz aquisição de medicamentos para assistência de urgência e emergência/ambulatorial da Casa de Saúde Senador Antonio Farias.

Uma das principais preocupações desde o início dessa Gestão foi a aquisição de medicamentos para os pacientes do CAPS e Saúde Mental. Vale salientar, que a Gestão municipal recebeu o CAPS com os incentivos financeiros bloqueados devido a falta de alimentação do sistema pela gestão anterior. Por este motivo a aquisição está sendo feita através de recursos do Fundo Municipal de Saúde. No CAPS a situação já está regularizada com a contratação de profissionais e alimentação do sistema.

Para cada doença é necessário o diagnóstico médico do SUS, além de um protocolo preenchido pelo médico. Portanto, é necessário que o paciente faça sua consulta e através do receituário solicite a medicação correlata. Sabendo da importância em manter uma Saúde de qualidade, a Secretaria de Saúde investe boa parte dos recursos na aquisição e manutenção dos medicamentos no município. Durante essa semana, a Farmácia Básica esteve organizando as medicações em prateleiras para que facilite a entrega adequada. Os mais diversos medicamentos devem ser armazenados de forma correta para que se mantenha um estoque qualificado, evitando o desperdício de medicações e a falta de outros.

Além disso, a Secretaria de saúde disponibiliza fraldas, leite e medicamentos aos pacientes com necessidades especiais (acamados, crianças e adultos portadores de deficiências), mediante laudo médico que comprove a necessidade do paciente.
A Secretaria de Saúde está cada vez mais organizando o setor, certos de que a população precisa ser bem atendida em todos os aspectos, humanizando o atendimento para todos.

Fonte Assessoria de Imprensa PMB


Tecnologia do Blogger.