Exclusivo: Reunião dos vereadores de Buíque é marcadas por criticas e elogios .

Numa reunião que teve seu início marcado  pela leitura da pauta  e requerimentos aprovados na sessão anterior , nesta manhã de quinta-feira (01) de Junho  , a mesa diretora da Casa Jorge Domingos , comandada por sua presidente Corina Galindo de Almeida Macêdo  iniciou mais um dia de trabalho legislativo  onde 13 dos 15 parlamentares Buiquense se marcaram suas presenças na ordem do dia.

Aberta a sessão,  além de apresentados, foram aprovados 10 requerimentos onde três foram de autoria do novato Leonardo de Gilberto, dois do também novato  Élson Francisco e cinco de Djalma Araújo  que  já está em seu segundo mandato.

Iniciando os debates, Dão  Tavares  fez questão  de  tocar no ponto sobre a questão do fechamento da Casa de Saúde Senador Antônio Farias  ressaltando que já estava em tempo  do prefeito tomar  essa sensata atitude  porque nas condições que a mesma estava  ficaria impossível  de se realizar algum atendimento .

Depois de Dão,  Dodó iniciou seu discurso  parabenizando o secretario de Obras do Munícipio pelo  trabalho prestado a frente de sua secretaria onde está sempre pronto para atender a comunidade não medindo esforços , assim como defendeu o secretario de obras, também fez questão de defender o governo do estado  falando do seu olhar direcionado a segurança e principalmente nas ultimas ações direcionadas  aos desabrigados pela chuva em todo estado.

Voltando a fazer o uso da palavra, Jordão Briano  disse que no dia anterior teve uma reunião com o enfermeiro Allan Carlos, onde  tomou conhecimento de que  com o fechamento da casa de saúde, onde o atendimento dos pacientes serão na secretaria de saúde, o internamento será na  Maternidade Alcides Cursino,.

Na hora do  seu pronunciamento o  vereador André,  ele reconheceu que com as chuvas sabe que  na secretaria de obras os trabalhos se multiplicam, mais que isso não se justifica  a demora de atender  as solicitações quando é solicitado providencias em outras regiões que não sejam a região ribeira exemplificando uma situação que ele solicitou o reparo da estrada do Sitio Mocó que ate hoje não foi atendido.

Por sua vez, Ernani Peixoto Neto  iniciou seu discurso parabenizando a parceria entre o Sec 
Ler e prefeitura  pela  realização do dia D  onde reuniu centenas de participantes  para participarem de vários  exercícios. Continuando a fazer o uso das palavras, Ernani  disse que no dia anterior esteve em reunião com o prefeito onde juntos  foram prestigiar o encerramento do novenário de São Domingo  onde no caminho ao passar pela Avenida Jonas Camelo  presenciaram de perto a avenida sendo inundada pelas aguas que descia para o centro da cidade .

Ciente de que o município de Buíque já tem mais de 60 mil habitantes, Daidson Amorim disse que já estar mais do que na hora  de se criar uma guarda municipal armada como já existe em outras cidades numa  tentativa de amenizar a violência. Voltando  a questão da saúde, Daidosn disse que a casa de saúde vai entrar numa reforma, e pra se reformar tem que se desocupar , e como e de conhecimento de todos, a secretaria municipal já estar com uma parceria com a maternidade Alcides Cursino onde ira continuar dando atendimento a população e sugeriu que os postos de saúde recém inaugurados deveriam entrar em funcionalidade por 24 horas enquanto  a reforma da casa de saúde acontece. Sobre as condições das estradas no município o vereador  disse que  apesar de se  passado oito anos abandonadas, já solicitou ao secretario de obras soluções mais ate o momento não foi atendido, e se a situação continuar como estar ele próprio fazer os serviços com recursos próprios , o que não justifica oito anos do prefeito ,mais seis meses do atual deixar a população abandonada sem estradas.

Sem ter muito assunto para falar, Peba do Carneiro agradeceu  aos colegas vereadores por terem aprovados seus requerimentos, onde solicitou a demolição de uma escola que esta abandonada no barro preto, outro solicitando um posto policial para vila do carneiro e mais um solicitando calçamentos para varias ruas do barro Preto.

Antecipando o encerramento da sessão,  Leonardo de Gilberto  também iniciou seu discurso agradecendo ao prefeito Arquimedes  pelo pronto atendimento as suas solicitações que em alguns casos existia obras que não havia sido feitas a 20 anos. Insatisfeito, Leonardo direcionou duras criticas ao um dos secretários de governo de Arquimedes, onde segundo ele  esse tal secretario não  faz jus em representar o prefeito devido a sua falta de educação  onde ainda continua soltando piadas sem descer dos palanques.

Por final,  não havendo  mais matéria , e antes de dar por encerrada a sessão, a vereadora e presidente da Câmara Corina Galindo iniciou seu discurso  agradecendo a população que assistem e prestigiam as sessões  avaliando o trabalho de cada vereador  porque  eles são apenas empregados do povo, ressaltou a importância da realização de uma   audiência publica direcionada a segurança publica, entre poder executivo, Associação Comercial, Policia Militar , prontificando-se  á enviar convites a cada representante da sociedade cível convidando a participar.

Ainda de uso da palavra, Corina  agradeceu ao secretario de obras frisando que cada um das solicitações que cada vereador faz em plenário onde deixou bem claro  que a cada reivindicação não é uma questão de partidarismo, e sim de necessidade de ajudar a  população e para finalizar, destacou o trabalho do Secretario de Juventude  justificando que nesta gestão a secretaria  de fato saiu do papel e  deixou de ser um cabide de emprego . 

Por: Adauto Nilo   

    
Tecnologia do Blogger.