Final da Taça Fábio Cesar , além de oferecer 6 mil reais, promete agitar o mundo dos desportistas no próximo domingo na Vila de Guanunby em Buíque


A historia da pratica do  futebol no município de Buíque  se divide em dois lados, um lado  bom e o outro ruim.

Começando pelo lado bom é que, fora da sede  existe  milhares de atletas anônimos que passam  a semana trabalhando , e nos finais de semana  custeando com  seus recursos próprios  participam de competições  na região   porque fazem do futebol  uma paixão.

Saindo do lado bom e agora entrando no lado ruim da historia do esporte no município, vários fatores  chamam a atenção dos atletas  que  mesmo  tendo  força de vontade esbarram  nas dificuldades encontradas  como  falta de incentivo, falta de material  e a má vontade daqueles que podem e devem fazer mais  não faz.

Sem esperanças de mudanças  dentro do esporte  no município, e dando uma lição daquelas de quando se quer , se faz,  dois  atletas  veteranos   que residem na Vila de  Guanunby  estão  dando uma lição de  responsabilidade  e de como pode um campeonato acontecer  sem  existir máfia  ou fins lucrativos por trás de uma competição.

Credenciada  como Copa Taça Fábio Cesar, durante  105 dias 16 equipes de futebol  travaram uma batalha do bem para  ver quais entre todas iriam pra final disputando uma premiação que chega a casa dos seis mil reais.

Programada para acontecer no próximo domingo (18)  o duelo fica por conta das equipes do Flamengo SD E Cerâmica São Domingos, a partida  decisiva   terá início as   8 horas da manha e  onde tudo começou, no estádio Hipólito Soares de Almeida .

Tecnologia do Blogger.