Mesmo continuando a faltar combustíveis, até a próxima sexta-feira (01) vans irão circular normalmente entre Bui que e Arcoverde com passagens ao mesmo preço de 8 reais.


Apesar  dos transtornos  que  a população Brasileira  vem  passando  nos últimos dias  com os efeitos da falta de combustíveis  nos postos de abastecimentos, em Buíque no agreste do estado  motoristas dos transportes alternativos estão preocupados  com boatos lançados nas redes sociais dizendo que;  por conta de tudo isso , as passagens  sofreram um  significativo aumento , saltando de 8 para 10 reais  o preço cobrado  pelo percurso de Buíque á Arcoverde.

Se os primeiros boatos  não  agradou   Jean, atual presidente  da Associação dos Transportes Alternativos, o segundo  foi além do imaginado repercutindo de forma  duvidosa , onde espalhou-se que  a partir da próxima sexta-feira  por falta de combustíveis   , uma boa parte da frota deixaria de circular  prejudicando  ainda mais centenas de passageiros  que  deixaria de  viajar nas lotações.

Consternado  pela falta de veracidade dos fatos, no início de noite desta quinta-feira, em meio a uma nota enviada ao colunista Adauto Nilo, redator e editor do Portal Girosocialb ,  Jean  nada satisfeito com os boatos  deu a seguinte declaração.

“ Somos uma categoria de profissionais, que assim como tantos outros temos responsabilidade com nossos passageiros e compromisso com nossa profissão,  entretanto  ciente do nosso dever , sentimos na obrigação de  desmentir todo e qualquer boato onde dizem que  haverá paralisação  das vans que faz a linha Buíque á Arcoverde, assim como também  o preço  da passagem que hoje custa R$ 8.00(Oito Reais)  continua  sendo  o mesmo.”

Ainda  desmentindo os boatos, Jean afirmou que   até a próxima quinta-feira, 31 ultimo dia do mês de Maio, mesmo continuando os protestos, existe-se uma reserva de combustível  proporcional   suficiente  apara abastecer todas as vans, podendo chegar até mesmo na sexta-feira da próxima semana , sem prejudicar a vida dos passageiros que seguem viagem de Buíque a Arcoverde e vice-versa.      
     

     

Tecnologia do Blogger.