Com seu som alternativo, pela segunda vez Cordel de Vagabundo se apresenta no São João de Arcoverde


O  São de Arcoverde, em sua magnitude   além de ser considerado o melhor do interior, serve como  uma vitrine  para artistas e bandas  com  sons alternativos  mostrarem seu trabalho  inserindo em sua  letras  trechos  de protestos   contra o atual  sistema   inserido  dentro de uma sociedade a qual , segundo eles  não  lhes representam como de fato deveriam representar.

Com  letras baseadas  no cenário atual,  e com apenas um ano de formação ,  os rapper’s do Cordel de Vagabundo  em mais uma edição do São João de Arcoverde  conseguiram se firmar   e pela segunda vez se   apresentaram no Polo Rubens Pastor  para através de sons e letras  apresentarem seu  grito de alerta contra um sistema não muito convencional .

Assegurados  pela direito de ser livre e de  se expressar, a cada musica apresentada   o Cordel de Vagabundo mostrou que apesar de todas as coisas o som tem que  continuar porque continuam sobrevivendo a caridade de quem os lhes detestam.

Tecnologia do Blogger.