Sentindo a dor da saudade, Buíque fica de luto com a morte da Irmã Gertrudes.


Como a perfeição consiste em fazer a vontade de Deus, em ser aquilo que ele em sua infinita bondade almeja que um filho seu seja, nesta triste dia   onde cada um dos Buiquenses recebeu com pesar a notícia do falecimento de uma da Irmã Gertrudes, uma mulher honrada que não viveu egoisticamente para si, mais sim ocupou todo seu tempo fazendo o bem sem olhar a quem, a dor abra o coração para a paz e o amor por quem jamais irá embora.

Como Deus permite os acontecimentos, mais cada um escreve sua historia, Irmã Gertrudes escreveu seu nome na vida de varias gerações na cidade de Buíque, por onde viveu por dezenas de anos afrente do Convento das Irmãs Beneditinas e capela Nossa Senhora das Graças.

Sem palavras e sentido a dor da saudade, a população do município de Buíque  entristecida lamenta a morte da Irmã Beneditina que alcançará o descanso eterno orando  ao lado de Deus  por  milhares de pessoas que hoje choram a triste partida deixando um legado a se seguido por futuras gerações.

De acordo com as informações, natural de Bom Jardim,Irmã Gertrudes estava internada na cidade de Barbalha, onde por volta das 16 horas desta quinta-feira (13) veio a óbito.  

Foto: Paulo Cesar Barmount
        

Tecnologia do Blogger.