Esforços de Fernando Monteiro garantem continuidade das obras da Adutora do Agreste

O deputado federal Fernando Monteiro comemora a liberação de R$ 28,9 milhões para a Adutora do Agreste pelo Ministério da Integração Nacional. A conquista é fruto de um esforço ao longo de meses de Fernando Monteiro, que levou a necessidade urgente dos recursos ao Governo Federal. De acordo com Roberto Tavares, presidente da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), a atuação do deputado federal pernambucano foi fundamental para o primeiro repasse liberado neste ano pelo presidente Michel Temer para a obra.
“Sem esse repasse, os trabalhos seriam paralisados nos próximos dias. Levei a preocupação do governador Paulo Câmara, que também não tem medido esforços para a melhoria do abastecimento das cidades do Agreste e Sertão”, afirma Fernando Monteiro, que tem sido porta-voz incansável dos pernambucanos que sofrem com a falta d’água. Entre as conquistas mais recentes de sua atuação pelo setor de abastecimento no Estado estão recursos, também por parte do Ministério da Integração Nacional, para a adutora do Moxotó, localizada no distrito de Rio da Barra, em Sertânia, interligada à Adutora do Agreste.
A implantação do Sistema Adutor de Água de Canhotinho e a aquisição de equipamentos para a perfuração de poços artesianos reforçam os resultados dos esforços do parlamentar. A viabilidade do Ramal de Entremontes, que integra o projeto de Transposição do Rio São Francisco, ligando Terra Nova e Parnamirim, é outro tema em discussão.
“Precisamos estudar a melhor forma de viabilizar a conclusão de projetos de tanto impacto econômico e social para os nordestinos. O acesso à água pelos pernambucanos está entre minhas metas prioritárias, seja via emendas parlamentares, seja atuando por recursos da União”, garante Fernando Monteiro.
Tecnologia do Blogger.