Chuva castiga Buíque e obras do Saneamento básico de responsabilidade da CODEVASF mais uma vez contribui para formação de crateras e transtornos a população.


Exclusivo:  Com uma meta de  universalizar  o  serviço  de coleta  e tratamento  de esgoto  da cidade de Buíque,  obra de responsabilidade da CODEVASF iniciada  em 2014  e   financiada   pelo Governo Federal   numa  Parceria com o Governo do Estado, o que mais parecia uma solução com a  substituição de canos velhos por canos novos , desde  do início das obras os transtornos se arrastam até hoje e pelo visto parece nunca mais  ter fim.

Começando pela gestão anterior, onde  em 2015  as obras  deixaram ruas e avenidas intransitáveis devido as escavações  feitas na época   pela empresa   Cassi que só recebia do governo do estado  através  de medição ,  o que significa quanto mais  produtividade, mais lucro para empresa .
Retomada as obras que já duram mais de  04 anos,  os mesmo problemas  voltaram acontecer  sendo que desta vez  com  transtornos agravantes  após  uma chuva  forte  que  no finalzinho desta segunda-feira (26)  alcançou os 58  mm em apenas 45 minutos  que contribuiu para a  abertura de  uma cratera na PE 270  no cruzamento da  Rua  Cecilia Modesto .

Procurado para prestar esclarecimentos, Lourenço Camelo , atual Secretario  de Obras do Município de Buíque disse que, como as obras de Saneamento Básico dentro  da cidade de Buíque não é de responsabilidade  da prefeitura porque é uma obra  do Governo Federal , as cautelas para que a empresa PETZINGER , atual responsável pelas  obras   faça um planejamento para  escavações  estão sendo  acompanhadas e fiscalizadas  de perto  pela equipe da secretária  de obras, inclusive, nesta manhã durante uma reunião que o secretario teve com  um dos encarregados da empresa, ele mesmo pessoalmente  solicitou que  não fosse feito a escavação no  local em que a cratera foi aberta  porque já previa chuvas , como de fato aconteceu.

Também procurado ,  o Departamento de Estradas e Rodagens (DER)  informou que  nesta terça feira( 27)  de Novembro , logo pela parte da manha estará enviando uma equipe técnica  até o local para realizar uma vistoria  e em seguida  tomar as devidas providências.

Outras cidades que também   choveu acima do esperado, e tiveram pontos de alagamentos  foram , Belém de Maria, Serra Talhada,  Tacaratu, Pedra , Jatoba, Lagoa dos Gatos e Catende, sendo que Buíque foi a  que mais contabilizou prejuízos com  formação de  uma cratera na PE 270 e alagamento em vários pontos, inclusive no centro da cidade.
VESTÍGIOS  DE 2015 


Tecnologia do Blogger.