Após matéria citando estupro de três crianças na casa de acolhimento, Prefeitura de Venturosa emite nota de esclarecimento

A Secretaria de Assistência Social e o Abrigo Casa Nova (Casa de Acolhimento), esclarecem ao povo de Venturosa que após veiculação de matéria que envolve suposto cometimento de ato infracional, determinaram o imediato encaminhamento a Depol e ao Ministério Público, para que seja apurado e tomadas todas as medidas necessárias quanto à apuração do referido ato infracional. 

Colocando-se inteiramente à disposição esclarece, outrossim, que o Abrigo Casa Nova acolhe atualmente 15 menores, entre crianças e adolescentes, e para qual o Município disponibilizou 16 Servidores: 08 educadores, 01 Coordenador Pedagógico, 01 Servidor Administrativo, 01 Auxiliar de Serviços Gerais, 02 Cozinheiras, 01 Lavadeira, 01 Assistente Social e 01 Psicólogo, além de alimentação, material de higiene e educação. 

Esclarece ainda que todos os menores são acolhidos através de guias de acolhimentos expedidas por autoridades competentes. Por fim, informa que Venturosa é uma das poucas cidades no Estado a ter implantado um abrigo para menores e que está dando total apoio a todas as crianças do Abrigo, tendo, desde o início, procurado manter a integridade física e moral das mesmas.

Andreia Matos.
Secretária de Assistência Social
Tecnologia do Blogger.