Em Arcoverde jovem de 19 anos simulou o próprio estrupo na ultima quinta-feira (23) conforme constatou a investigação feita pela policia civil

Resultado de imagem para Estupro
Segundo consta do  Boletim de Ocorrência, através do qual o fato foi noticiado, na noite da última quinta-feira (23/05/2019), a jovem, que retornava da faculdade onde estuda, por uma das principais avenidas da cidade, teria sido atacada por dois homens, enquanto um deles pedia socorro para o outro, sendo levada dentro de um carro preto até o local, onde teria sido supostamente abusada.


Após o início das investigações, a cargo da Delegacia de Polícia da 156ª Circunscrição de Arcoverde, a Autoridade Policial encaminhou a jovem, depois desta ter recebido alta médica do Hospital Regional de Arcoverde, para realização dos exames específicos no IML/Caruaru.

Paralelamente, a Equipe de Investigação iniciou as diligências, para coletas de imagens que pudessem ter flagrado a suposta ação dos criminosos e, durante a análise dos vídeos, verificou-se que a jovem, sequer, passou pelo local, no horário em que afirma ter sido atraída e capturada pelos indivíduos.

Além disso, outros elementos colhidos durante a investigação, aliados as imagens das câmeras de monitoramento, demonstram que o fato delituoso não ocorreu, e que a ocorrência do crime era falsa.

Não obstante, as investigações seguirão, visando apurar a conduta da jovem, no tocante ao cometimento delito de falsa comunicação de crime, tipificado no art. 340 do Código Penal, cuja pena é de detenção de um a seis meses ou multa.

Ademais, a Polícia Civil adverte a sociedade sobre as consequências penais de se noticiar às Autoridades um crime falso.

Marcos Virgínio Souto - Delegado Circunscricional de Arcoverde

 Fonte:  Israel Rubis - Delegado Seccional de Arcoverde
Tecnologia do Blogger.