Mesmo com pouca participação,primeira corrida do trabalhador abre caminhos para mais uma atração a ser inserida no calendário de eventos de Buíque


Mesmo com a participação de poucas pessoas, ate mesmo porque foi  o início de criação de mais um novo evento , a primeira corrida do trabalhador não perdeu seu brilho nem tão pouco  deixou de acontecer conforme  programação divulgada pelos seus organizadores.

Idealizada pelos  mesmo criadores do Buíque Frio que em sua primeira edição não surtiu o efeito esperado mais com o passar do tempo  se transformou num dos maiores eventos abertos da cidade, inclusive conseguindo entrar para o calendário de eventos do município e entrar na seleta lista  de eventos da rota do frio do estado  se destacando pelos seus atrativos que são os queijos e vinhos.

Começando pela largada  que teve 10 atletas inscritos  para concorrerem as premiações do 1º,2º e 3º lugar que levaram o prêmio  em dinheiro vivo , além da corrida de pedestres, ainda aconteceu  três modalidades de ciganas com provas de maior comedor de cachorros  quentes, maior comedor de ovos cozidos e ainda maior comedor de bananas onde o vencedor além de sair com a barriga cheia ainda levou seu premio em dinheiro.

Com parceiros como o Sesc Ler que disponibilizou uma logística com  instrutores  , pernas de pau e uma opção de atividades para as crianças , por sua vez a prefeitura através da secretaria de Ação Social distribuiu senhas para cortes de cabelos, maquiagem e outros serviços de belezas  que aconteceram no renomado salão de beleza que fica ao lado da Rodoviária.

Enquanto isso, a Associação Comercial , através de seus representantes os empresários  Petruçio  Nopa e Diógenes  se encarregavam de  fazer a premiação , por sua vez o SISMUB através   seu presidente Michel Modesto se encarregava de dirigir a organização das maratonas e das atrações musicais que fizeram a festa, como por exemplo o DJ Jakarezinho Muy Loko .


   

Tecnologia do Blogger.