Composta pela Polícia Civil- 19a Delegacia Seccional de Arcoverde e 3º BPM Policia apresenta saldo positivo na área da Área integrada de segurança 19

Imagem relacionada
Ao fim do primeiro semestre do ano de 2019, a Polícia Civil, por meio da 19ª Delegacia Seccional de Arcoverde, vem a público divulgar os números registrados, durante o ínterim citado, a fim de cientificar a população da melhoria da segurança pública no âmbito da área integrada de segurança 19, polarizada por Arcoverde, e mais nove cidades, quais sejam, Pedra, Venturosa, Buíque, Tupanatinga, Itaíba, Manarí, Ibimirim, Sertânia e Custódia. Neste primeiro semestre, do ano em curso, já é registrada uma redução de 27,54% de crimes violentos na área, em números absolutos, no primeiro semestre do ano de 2018 foram registradas 69 mortes violentos, contra 50, registradas em 2019, totalizando 19 vidas salvas. A projeção anual aponta o registro do menor número de mortes violentas, desde o ano de 2015 (69), vencendo os anos de 2016 (122), 2017 (136), e 2018 (119).

A taxa de resolução de crimes violentos (mortes violentas), atualmente, registrada ao fim do primeiro semestre, está em 58%, o que representa mais da metade dos crimes violentos contra a vida, resolvidos, e com Inquéritos Policiais remetidos ao Ministério Público e Poder Judiciário, com autoria definida, configurando-se como uma taxa quase cinco vezes maior que a média nacional. A rapidez na resolução dos casos, e a eficiência da investigação criminal, tem sido fatores de destaque, principalmente quando vislumbramos recentes casos de repercussão, e que foram resolvidos, com autoria delitiva definida, em poucos dias. Tal fator, deve-se, primordialmente, à dedicação dos Policiais Civis, que integram a Delegacia Seccional e Arcoverde, na elucidação de tais crimes, e no combate à crime organizado. Recentemente, a 19ª DESEC sediou um curso de aperfeiçoamento de investigação criminal, para 25 Policiais Civis, objetivando qualificar ainda mais os Inquéritos Policiais produzidos no âmbito das Delegacias Circunscricionais.

No acumulado do ano de 2019, já foram remetidos mais de 860 Inquéritos Policiais e Procedimentos Especiais ao Ministério Público e Poder Judiciário, já em 2018, no mesmo período, foram remetidos 601, demonstrando um aumento de remessa que supera 43%, quando comparados ambos os anos, no mesmo recorte de período.

Foram registradas, durante este primeiro semestre, várias ações operacionais, em conjunto com a Polícia Militar, fortalecendo a integração entre as operativas, e por conseqüência os pilares do Pacto Pela Vida, garantindo o alcance, e o sucesso nos números acima explicitados, além disso, é de importância ímpar, com atores dessas expressivas reduções, a parceria constante do Ministério Público e do Poder Judiciário, em toda área, com a Polícia Civil. Ressalte-se ainda, o trabalho da Unidade Regional de Polícia Científica, na área de Arcoverde, com o apoio nas investigações, através de perícias, e emissões de laudo periciais, em situações de crimes de complexa resolução. 

A harmônica relação entre as operativas, Polícia Civil, Polícia Militar, e Polícia Científica, certamente é uma fórmula de sucesso na redução dos crimes violentos, e no combate à criminalidade organizada.

Fonte: Drº ISRAEL RUBIS - Delegado Seccional de Arcoverde
Tecnologia do Blogger.