Buíque recebe certificado para o novo Mapa do Turismo Brasileiro

Sede do Parque Nacional do Catimbau, o município de Buíque recebeu nesta segunda-feira o certificado do Ministério do Turismo de que integra o novo Mapa do Turismo Brasileiro 2019-2021, ao lado de outras 2.694 cidades de 333 regiões turísticas do país que foram validadas pela Pasta e incluídas na atualização da plataforma. O Mintur também reconheceu o Conselho Municipal de Turismo de Buíque. As duas boas novas foram comemoradas pelo prefeito Arquimedes Valença (MDB) em suas redes sociais.

Segundo o secretário de Turismo Esildo Barros, a conquista deve-se ao trabalho de reorganização dos equipamentos e estruturas de governança ligadas ao setor de turismo no município realizado pelo prefeito Arquimedes nos últimos dois anos e meio. “Recebemos essa notícia com alegria e reconhecimento ao trabalho que estamos desenvolvendo, ao mesmo tempo em que temos ainda mais responsabilidades para fomentar e fazer crescer o setor turístico em nosso município”, disse o secretário.

Neste ano, os estados e municípios contaram com novos critérios, compromissos e recomendações estabelecidas pelo Ministério do Turismo, entre elas a obrigação de participação em instância de governança e em Conselho Municipal de Turismo (COMTUR).

Entre os benefícios do Mapa do Turismo estão a categorização dos municípios turísticos, que vai de “A” a “E”. Essa classificação é um instrumento de acompanhamento do desempenho das economias turísticas locais. Além disso, ele subsidia a priorização de investimentos por programas do Ministério do Turismo, incluindo ações de infraestrutura turística, qualificação profissional e promoção dos destinos, observando características peculiares de demanda e vocação turística.

Além da necessidade de o município ter um órgão de turismo em atividade e conselho municipal funcionando, o novo mapa adotou outros critérios obrigatórios para a participação na plataforma: orçamento próprio destinado ao turismo e possuir prestadores de serviços turísticos de cadastro obrigatório registrados no Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur), do Ministério do Turismo. 

Para o prefeito Arquimedes Valença, responsável pela criação do Parque Nacional do Catimbau em 2002, o reconhecimento do Ministério do Turismo “vai permitir que o município consiga novos investimentos para investir de forma adequada na melhoria da infraestrutura, realização de campanhas publicitárias, entre outras ações do turismo local. Uma grande notícia que nos estimula a trabalhar mais ainda para implementarmos de forma definitiva um projeto estruturador e gerador de empregos e renda através do turismo”, disse Arquimedes.

A certificação é uma maneira de comprovar que o município está inserido no Mapa e faz parte do rol de 2.694 destinos brasileiros que trabalham o turismo como política de desenvolvimento econômico e geração de emprego e renda. Buíque integra a Região Turística Fé e Arte ao lado de Arcoverde, Águas Belas, Pesqueira, Belo Jardim, Bom Conselho, Ibimirim, Paranatama e Pedra.
Fonte: Ascom

Tecnologia do Blogger.