Em Arcoverde, diante dos últimos acontecimentos vereadora Luiza Margarida(MDB) quebra o silêncio afirmando que não teve nem uma participação na transferência do delegado.


Diante dos últimos acontecimentos envolvendo  a câmara municipal de vereadores  de Arcoverde em que a culpa da transferência do delegado Dr Israel  Lima Braga  Rubis  sobre-caí em cada um dos 10 parlamentares , depois dos últimos acontecimentos  sentindo-se  injustiçada  a Vereadora Luíza Margarida (MDB) acabou quebrando o silêncio  usando suas redes sociais  para emitir uma nota de esclarecimento  a população de Arcoverde e região.

Deixando bem claro que  além de ter nada haver  com a  transferência do delegado, também não assinou nem uma lista,  e nem tão pouco teve o conhecimento da mesma e continuou ressaltando a importância dos relevantes trabalhos  pelo delegado prestados a população.

Concentrada em sua palavras as quais foram direcionadas  as centenas de pessoas que protestam a favor da permanência de Dr Israel, em tom de desabafo a parlamentar  pontuou  a sua insatisfação  após  ter sido hostilizada   quando  na última segunda-feira  estava saindo do prédio  câmara  após participar de mais  uma sessão no plenário, sessão esta que foi interrompida  devido mais um  protestos que estavam acontecendo em favor da permanência do delegado a frente do comando da  19 DESEC .  

Tecnologia do Blogger.