O quê a morte do Gugu nos ensina?

Resultado de imagem para Gugu
O quê a morte do Gugu nos ensina? Esse acontecimento ainda inacreditável nos mostra que a morte é um mistério que jamais vamos entender... Gugu era famoso, bem sucedido, milionário, poderia ter acesso aos melhores hospitais do mundo e aos tratamentos mais modernos para tentar prolongar sua vida no caso de uma doença indesejada... Mas quis o destino que num dia qualquer, na sua casa, junto da sua esposa e com a saúde perfeita, um pequeno escorregão o levasse ao chão para que ele nunca mais levantasse... Por que não pagou alguém pra fazer o serviço? Por que não percebeu o risco? 
São muitas perguntas e uma só resposta: porque tinha que ser assim... Um cara que sempre levou alegria pras pessoas, que foi vítima de dezenas de fake news e que sempre ganhou seu dinheiro como fruto do seu trabalho e do seu talento... Sim, aos 60 anos Gugu foi antes do tempo, morreu de um jeito estúpido tendo ainda tanto por disfrutar das suas conquistas... É a fragilidade da vida, como de forma sublime escreveu o Carpinejar, Silvio Santos, seu mentor, com 88 anos nos dá a sensação que o filho partiu antes do pai... 
Quem diria que o Gugu morreria antes do Silvio Santos, que o Ayrton Senna ia partir antes do Emerson Fittipaldi, o jovem Denner antes do Pelé, o Boechat antes do Cid Moreira e o alegre e irreverente cantor Gabriel Diniz antes do Roberto Carlos? A vida é um sopro, por isso valorize mais as pessoas do que as coisas, se importe mais com o exemplo que vai deixar quando lembrarem de ti do que com os bens materiais que não vai poder levar contigo quando chegar sua hora...
Você pode desejar ser famoso, rico, bem sucedido e tudo isso ser muito válido... Você pode estar atravessando um momento difícil, um desemprego, uma doença, um divórcio... 
Mas nada disso é o seu fim, olhe para os seus braços, você ainda pode lutar, olhe para as suas pernas, você ainda pode caminhar, respire fundo e perceba, apesar de tudo você ainda está vivo e se você está vivo então não deu errado...
 "Viva a noite", o dia, viva intensamente e lute até o fim!
Autor desconhecido.
Tecnologia do Blogger.