Buíque:Secretária de Finanças Telma Valença destaca planejamento para enfrentar a crise da pandemia

A imagem pode conter: 2 pessoas, incluindo Telma Valença, pessoas sorrindo, close-up
 Há exatos 51 dias do início das primeiras ações e decretos referentes a pandemia do novo coronavírus no município de Buíque, a Secretária de Finanças, Telma Valença, fez um balanço da situação econômica e das ações desenvolvidas pela administração municipal ao longo deste período quando os recursos do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), ICMS, além da receita própria, começaram a cair devido as medidas de restrição que tiveram que ser adotadas em todo o Estado. 
Segundo a secretária, graças a determinação do prefeito Arquimedes Valença (MDB) e sua capacidade de gestão, Buíque vem mantendo seu equilíbrio administrativo e financeiro. O balanço foi feito a TV On-Line Rede Vale, comandada pelo radialista e comunicador Ricardo Resende. Confira os principais pontos abordados.
PLANEJAMENTO
Telma revelou que graças ao planejamento e uma gestão que trabalha com prioridades, a prefeitura vem mantendo suas obrigações em dia à exemplo da limpeza urbana, recuperação de estradas, obras de requalificação das ruas e, particularmente, a folha de pessoal que está com o pagamento em dia, tanto ativos como inativos.
ESTRADAS
Lembrou que muitas estradas foram interrompidas, prejudicadas, devido as chuvas, mas graças ao empenho do deputado federal Fernando Monteiro (PP), o Governo do Estado liberou mais de R$ 150 mil de horas/máquina para fazer a reforma das vias vicinais do município. “São recursos extras que vão se somar aos investimentos que a própria prefeitura está fazendo”, lembrou Telma Valença.
NOVO HOSPITAL
Ela também destacou a grande obra que será um marco na história de Buíque que é a reconstrução do novo Hospital Municipal Maria Deci Macêdo Valença, numa homenagem a ex-primeira dama que faleceu em 2016 e teve seu nome aprovado pela Câmara de Vereadores batizando o novo prédio cuja obra está orçada em mais de R$ 1,4 milhão. . Telma ainda revelou que estão sendo investidos outros cerca de R$ 500 mil para a compra de equipamentos e material como roupas de camas, fardamento, camas. 
“Será tudo novo. Teremos uma nova unidade de saúde com equipamentos novos, um prédio totalmente reconstruído e para isso vamos realizar a contração de mais profissionais de saúde (médicos, enfermeiros, técnicos, maqueiros) para atender a demanda, além de contarmos com uma ala somente para atender pacientes do Covid-19”, afirmou a secretária.
Além do investimento que a prefeitura está fazendo, o novo hospital também está recebendo equipamentos da ONG Amigos do Bem. Através da entidade, o Hospital Municipal Maria Deci Macêdo Valença está ganhando duas novas ambulâncias e um gerador que chega já na próxima semana. A previsão é que a obra seja entregue dentro de 15 a 20 dias.
EDUCAÇÃO
Já está planejando a volta às aulas, assim que possível, para que os alunos não percam o ano letivo e para isso a Secretaria de Educação começa a ser planejar na próxima semana, inclusive com a viabilização das aulas remotas. Os transportes estão paralisados no momento já que as aulas foram suspensas e por isso, a prioridade neste momento serão as obras de recuperação das estradas. “São prioridades que não podemos deixar de fazer”.
MERENDA
Sobre a entrega da merenda escolar realizada nas últimas semanas pela prefeitura, através da Secretaria de Educação, dentro das ações de enfrentamento a pandemia do novo coronavírus, falou que foram utilizados critérios que beneficiam as famílias que vivem em locais mais distantes, com maiores números de filhos, em maior situação de vulnerabilidade social, beneficiando mais de 5 mil alunos distribuídos em mais de 1.700 famílias.
ASSISTÊNCIA SOCIAL
Destacou a Secretária de Assistência Social já vem distribuindo mais de 3 mil máscaras a população buiquense, principalmente nos locais de maiores movimentações como bancos, casas lotéricas, supermercados, etc; além de cestas básicas para algumas famílias em situação de vulnerabilidade social extrema. “É um trabalho que vai continuar com a entrega de mais máscaras, orientações e utilização de álcool em gel para essas pessoas que estão nas filas porque precisam”.
SAÚDE
Nessa área, a secretária destacou que o prefeito Arquimedes Valença não tem medido esforços e investimentos de forma a poder promover o melhor atendimento à população no enfrentamento ao novo coronavírus. Destacou o pioneirismo com a colocação de pias nas áreas centrais da cidade; a colocação de estrutura de toldos para beneficiar a população que recebe o auxílio emergencial na Caixa Econômica Federal e na lotérica; a aquisição dos equipamentos de proteção individual para toda a rede de saúde, desde as UBS à Casa de Saúde. O trabalho em parceria com a Defesa Civil no controle do transporte de passageiros, além do treinamento e ampliação dos atendimentos nas Unidades Básicas de Saúde.
CAIXA 
Sobre a estrutura montada em frente a Agência da Caixa Econômica Federal, ela revelou que “a ideia surgiu ao vermos a necessidade de buscar resolver as filas que são um problema em todos os municípios que têm agências da Caixa funcionando. Aqui recebemos toda a região, como Buíque, Tupanatinga, Itaíba. Vendo o sofrimento dessas pessoas, que precisam do dinheiro para se manter, então em comum acordo com o prefeito decidimos ajudar montando essa estrutura”. Segundo ela, tudo foi feito em parceria com a empresa Patrick Produções que cedeu todo o material que foi instalado na Av. Jonas Camelo.
Foram colocadas barreiras fechando os acessos da avenida, banheiros químicos, lixeiras, equipe permanente da limpeza urbana e quando terminar o atendimento, a Secretaria de Saúde faz todo o processo de sanitização, a higienização diária do local. “Estamos fazendo de forma atender as pessoas, não queremos saber de quem é a obrigação. Partimos na frente pensando na nossa população”. Segundo ela, a ideia foi repassada pela gerência da CEF para outros municípios terem Buíque como modelo.
Fonte: Folha das Cidades
Tecnologia do Blogger.