Numa coluna dedicada a ele no Blog do Magno Drº Edílson Xavier diz a candidatura do empresario Wellington Araújo e fruto da indefinição e também do comprovado despreparo político da prefeita de Arcoverde,

Fruto da indefinição e também do comprovado despreparo político da prefeita de Arcoverde, Madalena Britto (PSB), quanto à escolha de seu candidato a prefeito, isso tudo resultou no nome do empresário bem-sucedido, Wellington Maciel, um desconhecido no meio político.
Relutante, de início, quanto à escolha de seu nome para ser candidato, ausentou-se por meses do país, demonstrando à exaustão, não possuir apetite para a disputa eleitoral, e seu ingresso na vida política, em face de suas inúmeras empresas, e por ser um estranho no ninho. De volta à Arcoverde, tornou-se um candidato improvisado, e logo na primeira declaração à imprensa, disse claramente que “me arrumaram essa bronca”, o que constitui claramente uma declaração de quem não é do ramo da política, não obstante tenha o apoio do grupo governista.
Cabe agora ao governo municipal torná-lo um candidato viável, não obstante tenha que representar a gestora municipal que não vem gozando de prestigio popular, e terá imenso trabalho em defender a administração da prefeita Madalena, cujo prestigio com o Governo do Estado é expressivo e sequer conseguiu transformá-lo em obras expressivas, o que resultou em gestão tímida, sem ter o que mostrar em oito anos de governo.
Após a eleição do empresário Antônio Franclin para prefeito, em 1964, nenhum outro comerciante lançou-se à eleição municipal e Wellington Maciel entra na seara política, após muito relutar, e cuja dificuldade é evidente tendo em vista os fatos acima mencionados. Vamos ver quem será seu companheiro de chapa para ver o rosto eleitoral de sua campanha.
Irá enfrentar o ex-prefeito Zeca Cavalcanti, ávido para voltar à prefeitura, a médica, e vereadora mais votada, o delegado Israel Rubis e o candidato do PT, Verones Carvalho, todos eles, com exceção de Zeca, ainda sem a chapa formada. Como visto, será um grande desafio para Wellington, o que difere totalmente da luta empresarial em seus múltiplos negócios.
De qualquer forma, Wellington Maciel representa um fato novo na política de Arcoverde em ano eleitoral, mas terá que mostrar serviço para se transformar em um bom candidato das forças governistas em fase de grande desgaste. 
Por Drº Edílson Xavier:*Advogado e ex-presidente da Câmara Municipal e da OAB de Arcoverde        
Tecnologia do Blogger.