Surpreendidos pelos resultados das urnas, políticos veteranos não conseguiram se reeleger em Buíque


As eleições municipais em Buíque mostraram um outro lado da politica até  então inacreditável  para os mais experientes políticos de plantão.

Com os últimos resultados das urnas, os mais experientes no cenário politico local  não se surpreenderam  com a entrada de  novos nomes, como os de Cidinho de Salviano e Rodrigo da Ótica, Preto Kapinawá , Nenen de Barão e Drª Clara  porque ambos  já estavam a muito tempo trabalhando na construção de suas candidaturas , enquanto ao mesmo tempo  apareciam nas pesquisas , mesmo aquelas que vinha sendo feitas por trás dos bastidores.

Achando que já tinha se surpreendidos pela  quantidade de votos que Arquimedes  colocou a frente de seu principal opositor  Jonas Camelo que foi de 4.883 votos, a surpresa  foi maior quando todos os votos das 111 urnas foram apurados  e dois dos mais experientes  vereadores acabaram  perdendo suas cadeiras que ocupavam por décadas e mais décadas.

Começando  por Dodo, um vereador que  durante 32 anos de vida publica conseguiu se eleger por oito vezes consecutivas, ao trilhar o  caminho para o nono mandato, Dodó acabou não se reelegendo, e com a sua não reeleição fica a pergunta onde um politico com praticamente uma vida inteira dedicada a servir a população errou.

Deixando a historia politica de Dodó de lado, e  fazendo uma  analise na vida politica  de Ernâni Neto que praticamente  nasceu e cresceu no  mundo da politica Buiquense onde assistiu  de perto a ascensão  politica do seu pai, o saudoso vereador Til, as vitorias  politicas de seu tio, o ex vereador  Erandir  Benício, a de  sua mãe, a ex vereadora  Cida de Til, e por fim a sua vitoria própria , que ao ser eleito na época  se tornou o vereador  mais jovem a assumir uma vaga no Poder Legislativo Municipal de Buíque.  

Tecnologia do Blogger.