Câmara de vereadores de Petrolina aprova PL para compra de vacinas


Nesta semana ,mais um passo foi dado para Petrolina formalizar sua participação no consórcio das cidades para compra direta de vacinas. O projeto de lei enviado pelo prefeito Miguel Coelho para adesão ao grupo intermunicipal foi aprovado na Câmara de Vereadores nesta terça (09). Com isso, a Prefeitura de Petrolina já poderá dar entrada oficialmente junto à Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) ao processo de compra dos imunizantes.

A cidade sertaneja deve solicitar até 150 mil doses. As vacinas serão, a princípio, encaminhadas para o Programa Nacional de Imunizações para distribuição equânime entre as cidades brasileiras. Caso o Governo Federal não manifeste interesse, Petrolina poderá comprar diretamente as doses para aplicação entre os moradores do município sertanejo.

A Frente Nacional está em fase de negociação com vários laboratórios. De acordo com o prefeito Miguel Coelho, que é vice-presidente da FNP, a aquisição pelo consórcio busca reforçar e agilizar a vacinação nos próximos meses. "É um esforço conjunto para garantir mais vacinas. Tudo será feito em acordo com o Programa Nacional de Imunizações, portanto, não haverá prejuízo a ninguém. O importante é que todos os municípios estão se unindo para esse esforço coletivo. Quanto mais vacina, mais união e mais agilidade, mais rápido nosso País irá superar a pandemia", defende Miguel.

Tecnologia do Blogger.