Secretariado em Arcoverde poderá passar por mudanças na Saúde, Obras e Cultura


 Próximo da decisão final do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que, se mantendo as últimas decisões do TRE-PE, deverá marcar novas eleições para Arcoverde, o prefeito em exercício Wevertton Siqueira (PSB) deverá promover mudanças em seu secretariado para ter um governo somente com a sua cara. Na mira estariam as secretarias de Saúde, Obras e Projetos Especiais e a de Cultura.

Segundo comentários de pessoas do gabinete municipal, a saída do secretário de Saúde, Álvaro Neves, é quase dada como certa. Para o seu lugar, um dos nomes cotados é o do atual diretor da Vigilância em Saúde, Isac Alisson. Um médico chegou a ser convidado, mas não teria aceito assumir a pasta.

Já em Obras e Projeto Especiais, o nome dado como certo é do engenheiro e filho da ex-prefeita Madalena Britto (PSB), André Britto, que assumiria a vaga hoje ocupada por Aildo Beserra. Já em relação a Secretaria de Cultura, ainda não se teria um nome certo para ocupar a pasta. Segundo as mesmas fontes, também estariam previstas mudanças na Diretoria de Rendas e Tributos.

Com a confirmação das mudanças, Siqueirinha afinaria ainda mais sua aliança com a ex-prefeita Madalena Britto e dava uma nova cara a todo o governo, montando ainda pelo prefeito cassado, Wellington Maciel (MDB), que ainda mantém a sobrinha da esposa como titular da Secretaria de Finanças, embora o atual prefeito tenha criado um cargo, inexistente, para ficar acompanhando a pasta. É aguardar os próximos dias para ver se as mudanças realmente se concretizam.

Tecnologia do Blogger.